+ Revista TUdo

Cálculo renal! A pedra do seu sapato.

Escrito em 30/04/2019
Revista Tudo


 

Pare tudo o que você está fazendo para ler este artigo, afinal, um dos problemas mais comuns quando se fala de aparelho urinário é a formação de cálculos renais ou urinários, popularmente conhecido como “pedra nos rins”. 

Sua frequência é bastante elevada, acometendo todas as faixas etárias - em homens, mulheres e criança - afetando entre 6% e 12% da população adulta nos países ocidentais.  
 

A pedra nos rins acomete mais homens, numa proporção de 1,3 casos para cada mulher diagnosticada, tendo aumentado, nos últimos anos, a frequência nos idosos. 

A obesidade, em particular, aumenta a incidência em homens e dobra nas mulheres. 
 

As temidas cólicas renais são quadros de dor intensa que, em geral, ocorrem quando um cálculo sai do rim e inicia sua descida pelo ureter em direção à bexiga. Geralmente, são dores de forte intensidade que requerem medicação em ambiente hospitalar, como num pronto-socorro. 

 

 A formação dos cálculos urinários tem múltiplas causas que se entrelaçam, não havendo motivação única. 

 

Existe a influência hereditária (genética), a falta de ingestão de líquidos em quantidade adequada - todo adulto deve ingerir de 2 a 3 litros de líquidos nas 24 horas do dia - além de problemas relacionados com o próprio metabolismo de cálcio e ácido úrico, próprios de cada organismo. 

 

A prevenção sempre é a melhor alternativa, que pode ser feita através de métodos simples. 

Recomenda-se fazer uma avaliação de rotina anual do aparelho urinário, através de uma consulta com um urologista, exame de ultrassonografia, exames de sangue que avaliam o funcionamento dos rins, medidas de cálcio e ácido úrico e exame de urina. 

 

 

Anote aí e siga essas dicas de amigo: 

                                               

  • Reduzir a ingestão de sal a cerca de 3g/dia (1 colher rasa de café) incluindo aquele usado no preparo das refeições; 

  • Reduzir a ingestão de proteína animal, sobretudo carne vermelha, mantendo o ideal em torno de 1g/Kg/dia; 

  • Ingerir fibras em geral; 

  • Não ultrapassar o consumo de suplemento de Vitamina C de mais de 1g/dia; 

  • Evitar sobrepeso e obesidade; 

  • Controlar a Pressão Arterial; 

  • Ingerir de dois a três litros de líquidos por dia, associando a ingestão de citrato através de sucos de frutas cítricas - 120ml de suco de limão para cada 1,5 litro de água. 

 

Urologista na Granja Viana 
Dr. Marcio Ferraz - CRM-SP: 89.357 
Consultório no Espaço Saúde Granjardim, à Av. São Camilo, 980, Granja Viana, Cotia/SP.

Tels.: (11) 4702-6652; 96415-6793 
E-mail: mferraz70@gmail.com 
www.doutormarcioferraz.com