Notícias ON LINE

Zanni inaugura espaço permanente na Raposo Tavares com apresentações em novembro e dezembro

Escrito em 22/11/2019
Revista Tudo


 

O Circo Zanni vai inaugurar a sua sede no Km 26 da Raposo Tavares, com apresentações nos

dias 30 de novembro, 1.º, 7, 8 de dezembro. O novo endereço, próximo da Granja Viana, faz parte

das novidades pensadas para a região pelo grupo circense que comemora 15 anos de

atividades com a inauguração do mais novo ‘centro cultural de Cotia’.

 

O espetáculo do Zanni reúne uma estrutura próxima do circo clássico com características do circo

contemporâneo. O público poderá assistir números aéreos, de acrobacia, de equilíbrio, de

palhaçaria, entre outros, embalado pela música da banda Zanni. O espetáculo dura 60 minutos e

a direção artística foi feita por Domingos Montagner. A direção musical é de Marcelo Lujan.

 

A decisão de ter um endereço fixo em Cotia é resultado do sucesso da companha e ponto alto do

aniversário de 15 anos. O terreno onde ficará a lona – quilômetro 26 da Rodovia Raposo Tavares,

sentido São Paulo – vai contar com área para alimentação, banheiros e estacionamento.

 

A programação que será desenvolvida no novo endereço prevê atividades como oficinas, cursos,

palestras, aulas e, evidentemente, espetáculos. Com a nova empreitada, o grupo quer consolidar

um espaço permanente, um equipamento cultural vivo.

 

“Com a possibilidade de ter um local fixo para o desenvolvimento das atividades artísticas e

pedagógicas e de difusão sistemática, pretendemos ao longo do tempo agregar artistas,

formadores, jovens em formação e comunidade para usufruir do fomento à cultura do circo na sua

mais ampla gama de possibilidades”, afirma Márcia Nunes, produtora do Zanni.

 

Segundo Márcia, com a programação regular de atividades abertas à comunidade “será possível

agregar a força criativa e de trabalho de colaboradores com quem temos estreita relação e

interesse de intercâmbio e oferecer ao público um contato com o circo que contemple tanto a

fruição do espetáculo como atividades de interesse público”, afirma.

 

História

 

Criado em 2004, o Zanni visa resgatar a importância dos espetáculos circenses apresentados sob

lona em centros urbanos. Sua arte encanta plateias, seduzidas pela magia e beleza dos

espetáculos. Entre os fundadores da companhia estão nomes de relevo da arte circense como

Domingos Montagnier, Daniel Pedro, Erica Stoppel, Fernando Sampaio, Isabel Mucci, Luciana

Menin, Marcelo Lujan, Maíra Campos e Pablo Nordio.

 

Reconhecido pela sua excelência artística, o Zanni conseguiu incorporar características dos circos

clássico e tradicional. Em São Paulo, já ocupou importantes territórios da cidade em diversas

temporadas, com apresentações no Parque Augusta, no Memorial da América Latina, no Shopping

Raposo, em várias unidades do Sesc e no Parque do Povo, entre outros.

 

www.circozanni.com.br

 

Serviço

 

Local: Quilômetro 26 da Rodovia Raposo Tavares sentido São Paulo

 

Espetáculos de inauguração

 

Novembro

Dia: 30 (sábado), às 19 horas

 

Dezembro

Dias: 1º de dezembro (domingo)

7 de dezembro (sábado)

8 de dezembro (domingo)

 

Horário das sessões

 

30 (sábado), às 19 horas

1º de dezembro - domingo, às 17 horas

7 de dezembro (sábado) - às 19 horas

8 de dezembro (domingo) - às 17 horas

 

Ingressos pelo www.ingressorapido.com.br :

 

Não pagam – Crianças até 2 anos

Pagam meia entrada – R$ 30,00

- Crianças a partir de 3 anos até 12 anos

- Pessoas acima de 60 anos

- Estudantes

- Pessoas portadoras de deficiência

- Professores e pessoas da classe artística

Pagam Inteira: R$ 60,00

- Todos os demais

 

Ficha técnica:

Concepção e direção artística: Domingos Montagner

 

Direção Artística e musical: Marcelo Lujan

 

Cenário e figurino: Dani Garcia

 

Direção técnica: Pablo Nordio

 

Produção de Montagem: Daniel Pedro

 

Elenco

Daniel Pedro, Erica Stoppel, Fernando Sampaio, Isabel Mucci, Lu Menin, Luciana Lima, Maíra

Campos, Marcelo Lujan e Pablo Nordio.

 

Artistas convidados

Fernando Paz, Filipe Bregantim, Tomás Sampaio e Daniel Rocha

 

Produção

Márcia Nunes